Dicas de convivência para recém casados e para um casamento feliz!



Oiiii meninas tudo bem? Espero que sim!!!
Quando decidimos nos casar, temos que ter em mente alguns fatores para não ficarmos frustrados quando a realidade bater a porta, ou seja, quando descobrimos quem realmente é a pessoa com quem nos casamos.
Quando namoramos não dividimos a rotina e nem muito menos as contas, então a convivência fica muito mais fácil e o conto de fadas dura mais tempo.
Quando percebemos que a pessoa que idealizamos durante o namoro não é a mesma com que nos casamos, o risco de brigas e de uma posterior separação é muito grande. Muitos casais não resistem aos primeiros seis meses do casamento, pois não conseguiram superar as diferenças e aprender juntos. Por isso, é necessário ter em mente que nem sempre o que idealizamos é a realidade, que mudanças irão ocorrer, que haverão problemas e crises que precisaram ser superadas juntas e que sem compreensão e cumplicidade não existe um casamento feliz e saudável.
 
Pensando em ajudar quem está passando pela fase de adaptação, que na verdade, é um divisor de águas no casamento, separamos as melhores dicas de convivência para recém casados para que seu casamento seja feliz desde o início, sem passar pela tão famosa crise de início.


 
 
 
 
 
 

Dicas de convivência para recém casados


1.1 Aprenda a ouvir

Todo relacionamento deve ter como base o diálogo. Conversar é sempre a melhor maneira de resolver os problemas então, ouça o que seu parceiro ou sua parceira tem a dizer antes de argumentar. Muitos recém casados querem ser escutados da forma errada, aos gritos, com brigas infinitas, que só levam ao desgaste da relação. Escute mais!
 

1.2 Respire fundo antes de reclamar

Quando perceber algo que te deixa irritada, respire fundo. Conte até 10 (ou mais, se for preciso) e espere até conseguir julgar se aquela reclamação é realmente necessária. Se ele deixasse a tampa do vaso levantada você reclamaria com ele? Pense no seu casamento como algo que você deve preservar, assim como você preserva seu emprego. Reclamações constantes são cansativas além de repetitivas!

1.3 Lembre-se de que você tem defeitos

Todos temos defeitos sejam eles pequenos ou grandes. Antes de ser intolerante com os defeitos do outro, tente se lembrar de que ele é tolerante com os seus.

1.4 Comemore pequenos momentos

Recém casados, comemore pequenos momentos e faça disso um hábito que continue acontecendo. O que faz um casamento ser bom é o quanto os dois se esforçam para que ele seja bom portanto, se esforce e ressalte os pequenos bons momentos. Às vezes, os melhores momentos são aqueles que consideramos como pequenos mais que na verdade são os melhores e que nunca saíram da lembrança.

1.5 Respeite o espaço alheio

Quando vocês apenas namoravam cada um saía com seus amigos individualmente não é mesmo? Porque mudar isto então agora que estão recém casados? Tanto o homem quanto a mulher precisam de espaço longe um do outro. Respeitar o espaço é mostrar para o outro que o que importa é vê-lo feliz. Muitos acham que casamento é uma prisão, e não é, cada um precisa ter o seu espaço e respeitar o espaço do outro.


1.6 Seja antes de tudo, amiga

Manter a amizade é um ponto muito importante para iniciar um casamento. Ser amigo é saber ouvir, ser honesto e oferecer companheirismo. É entender os defeitos e ressaltar as qualidades. É fazer questão de estar com o outro, mas saber respeitar quando a solidão é necessária. A amizade entre um casal é muito importante, afinal, quando a idade chega e o sexo acaba, o que fica é o amor e a amizade. Então comece a praticar desde agora que estão recém casados.

1.7 Sorria sempre que possível

Tente ter uma visão mais leve sobre a vida quando se casar. Os problemas existem e não deixarão de existir se você encará-los de maneira mais séria, portanto sorria sempre.

Segredos de um casamento feliz

 Dê valor aos pequenos gestos: É natural que, com o passar do tempo os casais se acostumem com a rotina e acabam não dando valor a pequenos gestos. Um dos segredos para ter um casamento duradouro é fazer de tudo para realizar pequenos gestos que ajudam a reacender a chama do amor. Você pode enviar mensagens românticas, beijar e abraçar mais o seu parceiro, entre outras atitudes que fazem toda a diferença
 


Não se acomode: Quando mais tempo tem um relacionamento, maior é a intimidade do casal. Essa proximidade, no entanto, pode acabar esfriando o casamento, já que começa a surgir o comodismo. Um erro que muitos casais cometem é não dar muito valor aos momentos a dois. Ao invés de ficar assistindo a novela sozinha ou ficar no computador, aproveite o seu tempo livre para conversar sobre o dia e trocar carinhos. Compartilhe os seus interesses e momentos com o parceiro, pois essa atitude é essencial para manter um casamento feliz.
 
Aceite seus amigos e familiares: Um dos maiores segredos de um casamento feliz, sem dúvidas é saber aceitar os amigos e familiares do parceiro. Portanto, se você quer construir um casamento duradouro e feliz, não se esqueça que cada um traz consigo a relação com vários amigos e familiares. Então, evite fazer intrigas, apontar os defeitos dos amigos do seu parceiro e principalmente criar uma relação negativa com a família dele. Esses erros podem ser fatais!

Mantenha a chama da paixão acesa: Aquela história antiga de que a paixão dura apenas um período e acaba, não é tão verdadeira. De acordo com um estudo, casais que estão justos a bastante tempo, mostraram que ainda se sentem apaixonados por seus parceiros. Mas qual será o segredo para manter a chama da paixão sempre acessa? É simples, basta investir nas carícias, maturidade e companheirismo.

Saber lidar com a chegada dos filhos: Quando os filhos chegam tudo muda, mas a única coisa que não pode mudar é o amor. É natural que com a chegada dos filhos o relacionamento passe por uma série de mudanças. No entanto, para evitar a rotina e os desgastes, é fundamental priorizar o diálogo e o companheirismo, mas sem deixar o romantismo de lado. Também é muito importante que o casal se esforce para garantir momentos íntimos com mais frequência.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pela sua visita. Volte logo!